18.3.07

Questão de meio.

A moda no Brasil nunca mais será a mesma. Agora estou livre. Todos estamos. Pode-se ir onde quiser e como quiser. Sem camisa, tênis num pé, nada no outro, turbante de aiatolá e calça social marrom com listras, por exemplo. Isso numa festa na ilha de Caras.
Mas por que agora estamos livres? A história é curiosa. Ronaldo Esper, aquele que vivia “espetando” os outros num programa de TV, criticando a vida de todo mundo como se fosse um deus no dia do Juízo Final, foi preso por furtar dois vasos de mármore italiano de um cemitério.
Defendeu-se dizendo que pensou que não fosse de ninguém e disse não saber que era de mármore nobre. Acredite quem quiser ou puder nisso.
Liberdade! Liberdade para todos.
Ainda bem que ele não furtou um pote de margarina, pois, se tivesse sido isso, estaria preso até hoje.

Mudando de assunto...

Paulo Ricardo, incansável, remontou a banda RPM para cantar os novos sucessos dos já longínquos anos 1980. Esteve hoje no Faustão. Este, como sempre, elogiou de forma melosamente “grudenta” a “incrível” banda de rock. Rock? Bom, tudo bem. Eles só irão durar até o final desse Big Brother Brasil. Depois hibernarão até o início do próximo BBB. Ainda bem que é somente um por ano.
_____
Por Marco Vicente

3 Comments:

Anonymous mause said...

Bicho, acho q tu ta perdendo muito tempo criticando e comentando esses caras... deixa eles, coitados....

6:42 PM  
Anonymous Bruna said...

Só pretendia dar uma espiadinha... =D
Tá na hora de uma postagem nova, né?
Boa semana!

11:50 AM  
Blogger Pablo said...

Não julgue o coitado, companheiro. Ele estava com fome e não tinha um recipiente adequado para a refeição.

2:52 PM  

Postar um comentário

<< Home